REVIEW | ‘Final Fantasy XV – Episode Gladiolus’ preenche lacunas deixadas na versão simples do jogo

Final Fantasy é um jogo que sempre foi cultuado pelo público RPGista desde os primórdios. A franquia já esta longe demais para contarmos quantos jogos a mesma possui até o presente momento, ainda sim, depois de sair seu último jogo, intitulado Final Fantasy XV, o mesmo ganhou uma expansão sobre o que aconteceu quando o protagonista Noctis e seu parceiro Gladiolus se separaram na história e cada um seguiu seu caminho.

Final FantasyXV – Episode Gladiolus começa com um epílogo no capítulo 13 após Noctis e Gladious se separarem, deixando Ignis e o já citado Gladiolus presos no outro lado. Foi uma ótima ideia para preencher as lacunas da história que ficaram na versão simples do jogo.

Apos este epílogo, Gladiolus se encontra com Coru querendo adquirir mais poder e, assim, ser um verdadeiro escudo do rei, pois, na luta contra Ravus, ele nada pôde fazer contra seu poder, ficando com o orgulho seriamente ferido.

A DLC, como o nome já sugere, conta mais sobre o fortão e sua busca por poder para ajudar Noctis em sua jornada. Podemos controlá-lo completamente do mesmo modo que fazíamos com Noctis, porém, ao contrário do real protagonista do jogo que usava vários tipos de armas, Gladiolus só pode usar um tipo. Ele também não pode usar magias como na versão simples do jogo.

Uma das novidades que percebemos logo de cara é a barra chamada Lâminas Marciais, que nada mais é do que o nível de coragem de Gladiolus, fazendo-o disferir golpes devastadores. Outra coisa interessante é que o fortão pode bloquear ataques com um escudo e, dependendo de como o jogador o use, pode acionar um contra ataque certeiro. Uma coisa legal nessa parte de bloquear com o escudo é que Gladiolus pode segurar ao mesmo tempo o objeto de defesa e sua espada, parecendo um guerreiro viking, ao contrário de Noctis que o usava separadamente.

Agora há também uma barra de Fúria, que se enche conforme Gladiolus ataca ou defende com escudo. Essa barra, quanto mais cheia, mais danos os golpes tirarão do inimigo. O personagem consegue interagir com objetos no cenário como uma imensa barra de pedra e pode normalmente golpear inimigos.

Apesar de jogarmos apenas com dois dos heróis ao invés de quatro, a dificuldade foi balanceada fazendo com que a jogatina fique bem relax. A DLC é curta, podendo ser feita em até uma hora. Após o término, é possível acessar ainda a dois modos de jogo com Gladiolus:

  • Provação Final – Modo onde o jogador luta contra coru para testar suas habilidade.
  • Pontuação Competitiva – Modo onde você ganha pontos derrotando o máximo de inimigos em menos tempo possível ganhando no final varias recompensas.

VEREDICTO

O jogo nos deixou com uma baita curiosidade: quando terminamos com o Gladiolus aparece uma cena bem curta com Prompto e uma data (06/2017) sugerindo que a próxima DLC do game – provavelmente de Prompto – sairá em junho. Sendo assim, vamos aguardar.

TRAILER

Comentários do Internauta

Comentário(s)

Compartilhe