Sobre Ancas: espetáculo premiado em São Paulo estreia no Rio

A trajetória da mulher ao longo da história, com enfoque na feminilidade e na ancestralidade, é celebrada no espetáculo Sobre Ancas, que estreia no dia 24 de maio no Teatro Angel Viana, no Centro Coreográfico do Rio de Janeiro.

Premiado pelo PROAC, Programa de Ação Cultural da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, o espetáculo solo de dança é livremente inspirado em passagens do livro ‘Mulheres que Correm com Lobos’ da escritora e psicanalista americana Clarissa Estés Pinkola.

A criação, interpretação e os textos são da bailarina e atriz Ana Guasque, que usa de imagens corporais para mostrar a força e a potência das mulheres através das teias da história, um espaço/tempo poético representado por um cenário de cordas cuidadosamente trançadas. A iluminação criada por André Boll torna oco, vazio, o espaço no interior do círculo, para potencializar a ideia de espiral sem espaço nem tempo.

Sobre Ancas - Ana Guasque 2_foto Adriane Lopes

Foto: Adriane Vieira

A direção do espetáculo é da premiada e experiente coreógrafa e bailarina Cláudia Palma e a trilha musical, que também utiliza instrumentos que remetem ao universo feminino, foi especialmente composta por Celso Nascimento.

Sobre Ancas, uma realização de Ana Guasque, AGP3 Produções e Governo do Estado de São Paulo, fica em cartaz no Rio até o dia 16 de junho.

 

SERVIÇO:
Temporada: Apresentações dias 24, 25 e 26 de maio, 07,08,09,14,15,16 de junho
Horário: sextas e sábados às 20h, domingos às 19h
Local: Teatro Angel Vianna – Centro Coreográfico do Rio de Janeiro
Rua José Higino 115 – Tijuca
Tel.: 3238-0357 / 3238-0601 / 2268-7139Sobre Ancas - Ana Guasque 36 rosto - foto Adriane Lopes
Preço: 20,00 (meia entrada 10,00)
Duração: 45 minutos
Lotação: 155 lugares
Classificação Etária: Livre

FICHA TÉCNICA:
Criação e interpretação: Ana Guasque
Direção: Cláudia Palma da Fonseca
Trilha Sonora: Celso Nascimento
Design de luz: André Boll
Operação de Luz: Bruno Henrique Caverninha
Sonoplastia: Sônia Guasque
Cenário: Augusto Vieira
Figurino: Éder Lopes
Fotos: Adriane Vieira
Assessoria de Imprensa: Ana Gaio
Arte gráfica: Márcia Herchenhorn

Saiba mais sobre o trabalho de Ana Guasque no site da atriz.

Comentários do Internauta

Comentário(s)

Compartilhe

Publicitário e roteirista de formação, foi de tudo um pouco: redator, produtor, vendedor, clipador, operador de som e imagem, divulgador, editor de vídeos caseiros, figurante e concursado. Crítico, irônico e um tanto piegas, é conhecido vulgarmente como Rabugento e usa essa identidade para manter um blog pouco frequentado (Teorias Rabugentas). Também mantém uma página no Facebook (Miscelânea Rabugenta), com a qual supre a necessidade de conhecer músicas, artistas e pessoas novas. Está longe de ser Truffaut, mas gosta de dar voz aos incompreendidos. (Acesse http://teoriasrabugentas.blogspot.com.br/ e curta https://www.facebook.com/MiscelaneaRabugenta)